Presença dos Pobres Servos na Oceania, Papua Nova Guiné

No dia 7 de setembro, acompanhados pelo Vigário Geral, o Pe. Luciano Squizzato, partiram os primeiros missionários Pobres Servos para Papua Nova Guiné para iniciar nossa presença no quinto continente.

Em comunicado oficial da Congregação, o Casante, Pe. Miguel Tofful, escreveu:
Com grande alegria e gratidão ao Senhor, compartilhamos com vocês as notícias da presença dos Pobres Servos na Oceania, especificamente na Papua Nova Guiné.
 
Os missionários são dois padres Filipinos: Pe. Randy Lingo e o P. Alito Cangayao que, após um período de adaptação e aprendendo a língua local, tomarão posse de uma vasta área pastoral na província de Pomio - Diocese de Rabaul, na ilha de New Braitain Island.
 
Essa nova abertura coincide providencialmente com os sessenta anos dos primeiros Pobres Servos que saíram da Itália e da Europa para fundar a primeira missão em Salto, no Uruguai, em 1959.
 
As palavras proféticas do Pe. João Calábria podem ser vistas realizadas com a presença da espiritualidade calabriana no quinto continente: "Oh, meus queridos, se vocês, se nós tivermos e vivermos desse espírito, a Obra dos Pobres Servos criará raízes profundas e se tornará uma árvore gigante que espalhará seus ramos até os confins do mundo. Nisto, o espírito está vinculado a nós, a nossa cooperação, a nossa vida e a uma vocação muito especial. Lembrem-se sempre: não é o número que importa, mas é a qualidade do número: poucos, mas bons, mas santos, e esses formarão muitos" ( 5 de setembro de 1932).
 
Agradecemos ao Senhor por esse presente e acompanhamos nossos irmãos missionários com a oração, na esperança de que nos próximos meses outros religiosos e alguns leigos possam se juntar a eles para uma presença mais sólida.
 
Boa festa da Natividade da Virgem Maria.
Um abraço fraterno a todos e que Deus vos abençoe.
 
P. Miguel Tofful