[COV] 10 anos de sacerdócio de Pe Jeilson Soares da Silva

Hoje é um dia muito especial para a Congregação Pobres Servos da Divina Providência e para o Pe. Jeilson Soares da Silva, que as vésperas do dia dedicado à Vida Consagrada, celebra exatos 10 anos de sua Ordenação Sacerdotal.
 
Que o sim manifestado há 10 anos se renove com a graça de Deus, no cotidiano de sua vida Pe. Jeilson!
 
Confira na íntegra o depoimento de Pe. Jeilson, que hoje é superior e animador vocacional do COV RAINHA DOS APÓSTOLOS, em Campo Grande/MS.
 
"O Espirito do Senhor está sobre mim,
ele me ungiu e me enviou" (Lc 4, 18).

 

Neste 16 de Agosto de 2018 por graça de Deus, eu Pe. Jeilson louvo pelo do Ministério Sacerdotal que me foi dado por Deus e ministrado por sua excelência reverendíssima, Dom Itamar Viana há exatos 10 anos. Posso dizer com humildade e simplicidade 'o Senhor fez e faz em minha vida e missão maravilhas'. Nesta semana da Família me uno de modo particular a aqueles a quem o Senhor permitiu cuidar de minha existência, os meus pais Almerindo Lopes - em memória e Dometília Soares a quem devo a minha vida neste mundo e na sequencia os meus queridos irmãos (as) que também me ajudaram a crescer como pessoa e como cristão.

 

Nada em nossa vida acontece por obra do acaso. O desejo de ser padre foi posto por Deus em meu coração e ali ele foi se desenvolvendo a medida em que o tempo igualmente ia passando. O ambiente favoreceu para que a semente da Vocação fosse de desenvolvendo através da Oração e da presença positiva de minha família e da comunidade. Como foi cultivado o desejo de ser padre? É importante recordar uma frase dos santos padres que diz: "cristão não se nasce, mas se torna". Parafraseando esta realidade, poderemos aplicar para o contexto sacerdotal. Mas tudo inicia como os momentos fortes que a Igreja propunha como os tempos litúrgicos na comunidade, vivido, celebrado e compartilhado na minha comunidade de Origem, Fazenda Candeal no Distrito de Ipuaçú - Ba.  Pertencendo a comunidade Nossa Senhora da Imaculada Conceição, junto a lideranças cristãs como o Sr. Firmo líder religioso daquela região e a Sra. Antônia Ferreira, catequista coordenadora da comunidade e seus auxiliares me acompanharam e apresentaram para os primeiros passos no COV - Centro de Orientação Vocacional Mãe da Igreja em Feira de Santana onde mais de perto fui aprofundando o Chamado de Deus que sentia para a vida Sacerdotal. Foram anos de plena alegria, desafios, conquistas e muita determinação, a final quando Deus quer, Ele apresenta condições, mas, garante também os meios. 

 

"O Espírito de Deus está sobre mim, ele me ungiu e me enviou". Este foi o lema que escolhi para a minha vida de discípulo de jesus como sacerdote. Partindo do profeta Isaias e citado pelo evangelista Lucas esta frase de Jesus, quero no hoje de minha pobre existência como naquela noite do dia 16 de agosto de 2008 , solenidade da Assunção de Nossa Senhora refirmar a minha total doação de minha vida ao Reinado de Deus como sacerdote Pobre Servo da Divina Providência. Que a graça de Deus me sustente e me ajuda a ser fiél e a corresponder com alegria e generosidade. Aos formadores e leigos dos mais diversos lugares por onde passei a minha eterna gratidão. A Obra dos Pobres Servos na Pessoa do Superior Geral Pe. Miguel e do Delegado para o Brasil neste momento Pe. Gilberto, assim como a toda família calabriana o meu mais sincero muito obrigado. Que Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos e São João Calábria abençoe fortaleça na Fé e na Vocação a todos aqueles e aquelas que com o coração generoso de esforçam por viver e partilhar a beleza da consagração a Deus e aos mais pobres dentre os pobres da humanidade. 

 

Campo Grande, 16 de agosto de 2018.

 

Pe. Jeilson Soares da Silva